Cristo é Totalmente Credivel

O que fez com que grandes intelectuais como C.S. Lewis entregassem as suas vidas a Cristo? A Sua credibilidade! Observe algumas das profecias do Velho Testamento que Jesus cumpriu durante a Sua vida:
1) Ele entraria em Jerusalém montado num burro: “Eis que vem a ti o teu rei; ele é justo e traz a salvação; ele é humilde e vem montado sobre um jumento” (Zacarias 9:9).
2) Ele seria traído por um amigo: “Até o meu próprio amigo íntimo, em quem eu confiava […] levantou contra mim o seu calcanhar” (Salmos 41:9).
3) Ele seria vendido por trinta moedas de prata: “E pesaram o meu salário, trinta moedas de prata” (Zacarias 11:12).
4) Iriam jogar para ganhar as Suas vestes: “Repartem entre si as minhas vestes, e lançam sortes sobre a minha roupa” (Salmos 41:9).
5) Nem um só dos Seus ossos seria quebrado: “Ele lhe guarda todos os seus ossos; nem sequer um deles se quebra” (Salmos 34:20).
6) Seria enterrado no túmulo de um homem rico: “E puseram a sua sepultura com […] o rico na sua morte” (Isaías 53:9).
7) Iria erguer-Se de novo de entre os mortos: “Pois não deixarás a minha alma no inferno, nem permitirás que o teu Santo veja corrupção” (Salmos 16:10).
João regista: “Depois, sabendo Jesus que já todas as coisas estavam terminadas, para que a Escritura se cumprisse, disse: Tenho sede.” Em plena posse das suas faculdades mentais, com a Sua mente desanuviada, Ele verificou as profecias que deveria cumprir até à última, e disse: “Está consumado!” (João 19:30).
Cristo – Ele é totalmente credível, e você pode confiar Nele!

Desde o momento do Seu nascimento até à hora da Sua morte, a vida de Cristo foi, detalhadamente, prevista pelo Antigo Testamento. Ele cumpriu cerca de quarenta profecias durante a Sua vida. Estatisticamente, as hipóteses disso acontecer são cerca de um bilhão! Porque razão é importante salientar isto? Porque há vozes que se levantam que questionam o Seu nascimento virginal, a Sua divindade, os Seus milagres, a Sua ressurreição, e o Seu regresso breve. Evidentemente as mesmas pessoas estavam por perto quando Pedro viveu. Ele escreve: “Mas também, eu procurarei em toda a ocasião que, depois da minha morte, tenhais lembrança destas coisas. Porque não vos fizemos saber a virtude e a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo, seguindo nós mesmos vimos a sua majestade. Porquanto ele recebeu de Deus Pai honra e glória, quando da magnífica glória lhe foi dirigida a seguinte voz: Este é o meu Filho amado, em quem me tenho comprazido. E ouvimos esta voz, dirigida do céu, estando nós com ele no monte santo. E temos, mui firme, a palavra dos profetas, à qual bem fazeis em estar atentos, como uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia esclareça, e a estrela da alva apareça nos vossos corações. Sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação. Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo” (2 Pedro 1:15-21).

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s